Transferência de ativos, STA e STVM

É possível transferir meus ativos de uma corretora para outra?

Essa é uma dúvida muito comum, principalmente para aquelas pessoas que começaram a investir e não possuíam experiência no mercado financeiro.

Se você investiu através de alguma corretora ou banco, normalmente por indicação de alguém e, depois de algum tempo encontrou uma concorrente que apresentou maiores vantagens como taxas reduzidas ou alguns serviços isentos de cobrança, fique tranquilo! Vamos esclarecer todas suas dúvidas.

O que são STA e STVM?

São ordens de transferência nomeadas de acordo com a custódia dos ativos.

* STA ou Solicitação de Transferência de Ações: quando as ações estão custodiadas por um banco.

* STVM ou Solicitação de Transferência de Valores Mobiliários: quando as ações estão custodiadas por uma corretora

É possível transferir seus ativos de uma corretora (ou um banco) para outra corretora, sejam eles ações, ativos negociados em bolsa e títulos do Tesouro Direto.

Veja abaixo o passo-a-passo de como realizar a transferência de custódia:

Passo 1: abrir uma conta na corretora que você escolheu

Passo 2: preencher a STVM (Solicitação de Transferência de Valores Mobiliários) disponibilizada pela corretora.

Cada banco ou corretora dispõe de um modelo deste documento, mas no geral os dados são seu nome, CPF, código de cliente de ambas as corretoras (ou banco) e o ativo a ser transferido.

Passo 3: você precisa assinar a STVM e reconhecer sua assinatura em cartório.

Passo 4: enviar o documento à corretora de origem e aguardar.

Custos de ISS, emolumentos, corretagens não são cobrados nesse tipo de transferência. No caso de Tesouro Direto também não há cobrança de IR, pois você não estará resgatando e sim transferindo os valores.

Agora que você já esclareceu algumas dúvidas, reforce seus conhecimentos no Canal do Investidor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *